Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Há mar e mar...

por A Mona Lisa tinha Gases, em 26.04.08

Cada vez se tornam mais recorrentes os afogamentos nas praias portuguesas em pré-época balnear.

Fruto deste clima absolutamente caricato, a partir de meados de Abril, já não é estranho ver praias cheias aos fins de semana. Isto quando não é fim de semana de monção.

Se dissermos a um qualquer turista que por cá tenha aterrado, nos últimos dias, que ainda na semana passada chovia como se não houvesse amanhã, ele provavelmente duvidaria. Mas talvez essa dúvida se dissipe na próxima segunda-feira, para a qual já se adivinha o regressar da chuva.

A verdade é que este clima, resultado ou não das alterações climáticas, é estranho como o raio que o parta! Os senhores que controlam o nível das albufeiras e barragens já vieram assegurar que durante os próximos dois anos não teremos seca, devido à quantidade de precipitação do último mês.

Mas esta estranheza não é óbvia para todos. Ainda hoje morreu uma pessoa na Caparica. Ao todo, só hoje, cinco pessoas andaram em apuros nas águas das praias mais concorridas da região de Lisboa. Quando não conseguimos entender os avisos que nos envia a natureza, somos quase sempre nós que nos lixamos.

As correntes marítimas, como tudo, sofrem alterações. O mar da Caparica já não é o mesmo de quando eu era criança.

Quanto mais depressa percebermos a mensagem, menos vítimas haverá a lamentar.

É preciso tradutor?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:40


17 comentários

Imagem de perfil

De A Mona Lisa tinha Gases a 29.04.2008 às 00:35

Mas já no ano passado foi um bocado assim. Dá ideia que os nossos Verões se estão a transferir para Abril e Maio e depois, em Agosto, não existem. Já nem sei quando hei-de ter férias!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Ninguém percebe o Leonardo. A Mona Lisa nao estava a sorrir, estava com gases. É o primeiro registo de arte escatológica.

E-mail
Facebook
No Twitter

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D


Links

Outros Gases



Favoritos