Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Era uma vez na América

por A Mona Lisa tinha Gases, em 10.09.11

Já lá vão dez anos, mas ninguém se esquece exactamente onde estava e o que estava a fazer.

Eu estava a dormir e fui acordada pela minha mãe que me dizia que tinha acontecido alguma coisa em Nova Iorque, que um avião tinha chocado com um edifício. Por essa hora ainda ninguém sabia o que se estava a passar, nem aqueles que lá assistiam ao vivo, nem aqueles que, como nós, assistíamos a milhares de quilómetros, pela televisão.

A terrível confirmação de que algo de muito errado se passava, veio pouco depois, com o segundo avião, a segunda bala colossal contra o edifício igualmente colossal. Nesse momento, eu, estremunhada pelo sono, e toda a gente um pouco o mundo, sentiu o queixo cair-lhe perante a demonstração do mal. Nesse segundo, nesse momento que parecia prolongar-se infinitamente, à medida que as televisões repetiam vezes sem conta aquilo que não parecia ser possível, a humanidade juntou-se num chocado e mimético "oh!". Perante o inimigo que parecia longínquo, insignificante, quase inexistente. Perante a realidade de que o extremismo, que nunca poderá originar nada de bom, podia alojar-se entre nós, passear-se pelas nossas ruas, dizimar-nos no nosso âmago e não numa qualquer cidade desértica, de nome impronunciável, num qualquer país invisível.

Muito mudou desde então, muitos inimigos, supostos ou reais, desapareceram, outros surgem e surgirão, muitas guerras se travaram. Mas algo permanece igual. A sensação de desconforto perante as imagens, dos corpos a cair, das torres a encontrar o chão, das pessoas que, momentaneamente, eram todas iguais, cobertas pelos edifícios reduzidos a pó, é a mesma, persiste ainda agora, passados dez anos.

Houve quem dissesse que naquele dia éramos todos americanos. Eu digo que todos aprendemos, nesse dia, que éramos demasiado frágeis e desprotegidos face ao terrorismo, à eterna e renovável estupidez humana. E isso é algo que não se esquece. E é por isso que todos nós sabemos exactamente onde estávamos e o que fazíamos no 11 de Setembro. Porque ultrapassamos o choque, fechamos a boca de espanto, mas não esquecemos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:58



1 comentário

Imagem de perfil

De PaperLife a 13.09.2011 às 20:09

Parabéns pelo destaque :)

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Ninguém percebe o Leonardo. A Mona Lisa nao estava a sorrir, estava com gases. É o primeiro registo de arte escatológica.

E-mail
Facebook
No Twitter

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D


Links

Outros Gases



Favoritos