Sexta-feira, 12 de Dezembro de 2008

Crónicas da rodoviária

Pensamento do dia (8:27):

Aquilo é um rato?!

Oh God, aquilo é um rato!

Está parado...

Mas o que é que eu faço se ele vier para aqui?!

Ponho-me aos saltinhos em cima do banco? Não, isso é coisa de gajas histéricas e eu não sou uma gaja histérica!

Esmago-lhe a cabeça com os pés? Não, que eu não ando sempre a defender os animais para, no fundo, ser mais uma esmagadora de crânios de mamíferos. Quer dizer, se fosse uma ratazana ainda abria uma excepção, afinal era ela ou eu, mas é só um ratinho.

Opá, ele está-se a mexer! Vem para aqui! Merda, merda!!!

Oh, espera! Afinal não é um rato!

É uma gigantesca...

 

 

 

... bola de cotão...


publicado por A Mona Lisa tinha Gases às 10:15
link do post | comentar | Flatulências (18) | favorito
Segunda-feira, 25 de Agosto de 2008

Crónicas da Rodoviária

 

 

Pensamento do dia: Porque é que aquela pessoa só tem duas madeixas vermelhas no cabelo? Porquê só duas? Será que aquilo não é cabelo? Parece cabelo. Será que se eu tocar naquilo ela repara?

 

Porque é que cheira aqui a presunto?


publicado por A Mona Lisa tinha Gases às 12:30
link do post | comentar | Flatulências (16) | favorito
Segunda-feira, 18 de Agosto de 2008

Crónicas da Rodoviária

Pensamento do dia (8h45): Como é que é possível?! Como é que é possível que haja alguém que cheire tão mal a esta hora da manhã?

 

A sério, tenham dó de mim! Se eu faço o favor de tomar banho e pôr perfume logo de manhã, quando o que me apetecia era vir enrolada no lençol, estendam-me a mesma cortesia! Quase beijei a mulher que se sentou ao meu lado a tresandar a sabonete de alfazema. Só pelo facto de ela amenizar um pouco o meu extremo desconforto!

Porquê? Oh, porquê?!

sinto-me:

publicado por A Mona Lisa tinha Gases às 09:36
link do post | comentar | Flatulências (17) | favorito
Segunda-feira, 11 de Agosto de 2008

Crónicas da Rodoviária

Trabalhar pressupõe voltar a andar frequentemente num autocarro onde as coisas normais não acontecem muitas vezes...

 

Pensamento do dia de hoje (8h30) : Eu tenho umas cuecas com aquele padrão!

 

Não, não me parece normal que duas pessoas diferentes (ou não, sabe-se lá!) olhem para o mesmo tecido e pensem:

 

Oh! Umas cuequinhas!

Oh! Um vestidinho de Verão!


publicado por A Mona Lisa tinha Gases às 16:32
link do post | comentar | Flatulências (17) | favorito

Ninguém percebe o Leonardo. A Mona Lisa nao estava a sorrir, estava com gases. É o primeiro registo de arte escatológica.

E-mail
Facebook
No Twitter

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Crónicas da rodoviária

. Crónicas da Rodoviária

. Crónicas da Rodoviária

. Crónicas da Rodoviária

.últ. comentários

Mesmo... É incómodo lembrar.
Ainda custa a digerir o desaparecimento de um ídol...
as aveiros devem estar a ferver...
Oh pá, e eu já nem me lembrava disto. E foi tão b...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.Quantos já cá vieram soltar gases

.Quem anda aí...

online
Add to Technorati Favorites
blogs SAPO

.subscrever feeds