Quarta-feira, 30 de Abril de 2008

E agora?

Depois da subida de três cêntimos por litro, o preço do gasóleo ultrapassou hoje a barreira do euro e trinta. Desde a liberalização do preço dos combustíveis, temos assistido a aumentos graduais que muitos dizem não se coadunar com o a subida da matéria-prima.

Depois do Reino Unido e dos Estados Unidos terem começado a racionar o arroz, já se fala de um racionamento a nível mundial. Os chamados bens essenciais atingem valores impraticáveis para muitas famílias, com ênfase no leite e pão.

Se a primeira situação , ainda que motivada por factores externos, é um problema nosso (em Espanha, o preço por litro de gasóleo está a 1.19 euros), a segunda já não é algo que possamos controlar tão bem a nível interno. A pseudo-crise dos Estados Unidos está a aproximar-nos lenta e inexoravelmente de uma crise mundial.

José Sócrates reage a este facto dizendo que a oposição não quer que Portugal cresça e abandone a crise, que pinta o quadro bem mais negro do que ele é.

A meu ver, avizinham-se tempos difíceis, com o alargamento do fosso entre pobres e ricos. E com o apagamento daquilo que conhecemos como a classe média.

Os indicadores estão por todo o lado. Nenhum deles é risonho.

Estoua a chegar ao fim do mês e não sei se hei-de encostar o carro às boxes durante os próximos trinta dias. Voltar aos transportes públicos, pelo menos enquanto não arranjo trabalho.

Tenho que admitir: estou com receio. Não prevejo nada de bom. Preocupa-me principalmente que, com a conjectura actual, já nem valha a pena sair do país. Convenhamos, o nível de vida do português médio em Portugal afunda-se a olhos vivos. O sobreendividamento é uma questão quase banal. Mas se as coisas evoluírem no sentido da tal crise global, se os americanos forem ao ar e levarem quase toda a gente com eles, não vejo para onde possamos fugir...

sinto-me: Preocupada

publicado por A Mona Lisa tinha Gases às 21:34
link do post | comentar | favorito
22 comentários:
De DyDa/Flordeliz a 1 de Maio de 2008 às 00:23
Preocupada?
E com imensa razão!
Cada dia que passa é menos uma fábrica activa, mais desemprego, mais familias à deriva.
As despesas são imensas. Os compromissos assumidos não desaparecem por magia.
E se tempos atrás ainda se colocava a hipotese de emigrar...agora a pergunta é: onde? fazer o quê?
Eu gostava de estar aqui e contrariar este seu desabafo, mas como?
Era excelente que a gente estivesse a pintar o quadro de negro e ele nos surgisse bem colorido e que o Socrates estivesse cobertinho de razão.
Tenho a certeza que todos lhe ficariamos eternamente gratos pelo nosso erro. Mas...mas...mas...São tantos????????????? Quanto as incertezas dos tempos que se avizinham!


De A Mona Lisa tinha Gases a 2 de Maio de 2008 às 00:42
Até há bem pouco tempo estava a pensar ir para Inglaterra ou para a Austrália. Agora já não sei bem o que fazer à vida...
Vou aguentar mais um bocado por aqui para ver o que isto dá.


De Wicked Mind a 1 de Maio de 2008 às 12:58
Não haverá fuga possível...
No fim de semana passado fiz uma exercício de reflexão...Mês passado, um pacote de arroz 0,51€...Semana passada, 0,78€...Já nem falando do gasóleo...Ainda me lembro quanto todos diziam que o barril de crude não ultrapassaria os 100 USD...Agora perspectiva-se a chegada aos 200 USD daqui por pouco tempo...
Admito...Estou preocupado...


De A Mona Lisa tinha Gases a 2 de Maio de 2008 às 00:44
Sim, sim, a barreira psicológica dos 100 dólares custou a passar mas desde aí tem sido rapidinho!
Na semana passada fui comprar uns quantos pacotes de arroz, esparguete, todo o que fosse derivado de cereais e que pudesse ter uma súbida drástica de preço. Parecia que me estava a abastecer para o Inverno Nuclear... Triste.


De aminhavidanaodavaumfilme a 1 de Maio de 2008 às 14:51
Subida do combustível, andar mais a pé
Subida dos preços dos alimentos, comer menos.

Isto parece mais o combate à obesidade.

(cheira-me que vou pôr isto no meu blog)


De A Mona Lisa tinha Gases a 2 de Maio de 2008 às 00:45
Hehehehe!
Parece mesmo.
Beijinhos e bom post! ;)


De deirdre a 1 de Maio de 2008 às 15:44
Eu sou da tua opinião, acho que o pior não passou, está para vir!
Infelizmente não posso fazer como tu, não tenho transportes públicos alternativos, não posso encostar o meu carro á boxe, preciso mesmo dele.
Férias... o ano passado não fiz, este ano muito menos!
A coisa está a ficar feia, está está....


De A Mona Lisa tinha Gases a 2 de Maio de 2008 às 00:46
Férias! A última vez foi há dois anos! E este ano não parece muito promissor a esse nível...


De Straycat a 1 de Maio de 2008 às 19:39
Belo post, tudo o que dizes é verdade.
Hoje, é 1º de Maio, o Dia do Trabalhador. Mas eu acho que se devia mudar o nome para Dia do Explorado.
É que neste país, para podermos trabalhar, temos que nos sujeitar às maiores barbaridades!
Vê o meu post sobre isso:
http://labirintododesassossego.blogs.sapo.pt/16373.html


De A Mona Lisa tinha Gases a 2 de Maio de 2008 às 00:49
Até os empregos melhor remunerados exigem das pessoas coisas inimagináveis. Produtividade não pode ser igual a exploração.


De Straycat a 2 de Maio de 2008 às 19:09
E para a produtividade existir, há que ter motivação, métodos e condições de trabalho.
Nos trabalhos que tive até agora, nenhum obedecia a esses requisitos. Mas exigem que nós saibamos tudo. Deviamos já nascer ensinados e a saber tudo, assim do género "memória genética colectiva"!


De A Mona Lisa tinha Gases a 3 de Maio de 2008 às 13:19
Sim, sim. Querem sempre pessoal com experiência, mas se não dão oportunidade aos novos...


De shark a 1 de Maio de 2008 às 23:01
É arrepiante, mas não há como contornar as realidades que descreves.
Parece o armagedão a anunciar-se ao mundo numa versão em câmara lenta...


De A Mona Lisa tinha Gases a 2 de Maio de 2008 às 00:50
Olha, já que falas em fim de mundo, um dos quatro cavaleiros do apocalipse aproxima-se a passos largos: a fome. Os outros já cá moram há muito...


De Minerva a 2 de Maio de 2008 às 10:13
Eu não sou pessimista por natureza... mas ao avaliar a situação do pais e depois do mundo, não vejo que o futuro seja animador... nada mesmo...

E sim, começo a preocupar-me. Preocupa-me o meu futuro e preocupa-me muito mais o futuro do meu filho...



De A Mona Lisa tinha Gases a 3 de Maio de 2008 às 13:20
O pior é isso! Quem nos garante que isto não descamba de uma maneira que não afecte seriamente as gerações vindouras?


De angelasoeiro a 2 de Maio de 2008 às 11:49
isto está horrível... dps de tanto tempo à procura de emprego, lá encontrei um a recibos verdes com o SMN, trabalho além das 40 horas semanais... muito além mesmo e não me posso queixar porque me dizem: 'Ao menos tens emprego!!' Quando faltei para ir ao médico foi um 31 desgraçado... Além disso, se recusarmos somos acusados de não querer trabalhar.. que somos esquisitos e mai não sei quê... Por enquanto estou isenta de pagar Seg Social, mas quando a isenção acabar e eu tiver que desembolsar dos 426 € não sei como vou fazer para pagar as contas e comer!!!


De A Mona Lisa tinha Gases a 3 de Maio de 2008 às 13:54
Tenho uma amiga que paga todos os meses os tais 150 euros, por causa dos recibos verdes. A sério que não percebo como é que ela faz. Acho que dou um murro à primeira pessoa que me oferecer trabalho a recibos verdes... E depois morro à fome!


De M. a 2 de Maio de 2008 às 22:17
Pois...eu já ando assim desde o inicio do ano... muito pouco optimista... com muito receio do futuro... e como tu, sem saber bem o que hei-de fazer... mas acho que temos de ter um pensamento positivo... quem sabe? talvez ajude...
beijinhos


De A Mona Lisa tinha Gases a 3 de Maio de 2008 às 13:10
Não podemos desanimar senão é que isto dá para o torto, de certeza!
Beijinho


De abelhinha a 13 de Maio de 2008 às 19:05
E acabo agora de ouvir na rádio que os combustiveis vão aumentar novamente... E depois do ciclone ter arrasado mais de 60% da produção de arroz de um dos principais produtores...
Bem diria que o futuro está mesmo negro e não há maneira de abrir uma janelinha para deixar entrar uma luzinha...
Está na altura de os governantes assumirem que a situação é má e de começarem a pensar numa maneira de a melhorar. Não adianta meter a cabeça na areia...
Partilho essa preocupação contigo...


De A Mona Lisa tinha Gases a 14 de Maio de 2008 às 12:46
Também ouvi. Mais três cêntimos por litro. Agora os aumentos já nem sequer são discretos! É logo aos três cêntimos de cada vez! Chiça! Alguém tem de fazer alguma coisa. A situação está a tornar-se insustentável!


Comentar post

Ninguém percebe o Leonardo. A Mona Lisa nao estava a sorrir, estava com gases. É o primeiro registo de arte escatológica.

E-mail
Facebook
No Twitter

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 185 seguidores

.pesquisar

 

.Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
25
26
27
28

29
30
31


.posts recentes

. Vira lá a outra face

. O acessório

. O meu busto é mais bonito...

. Aquarius

. Vamos fazer amigos entre ...

.últ. comentários

Mesmo... É incómodo lembrar.
Ainda custa a digerir o desaparecimento de um ídol...
as aveiros devem estar a ferver...
Oh pá, e eu já nem me lembrava disto. E foi tão b...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.Quantos já cá vieram soltar gases

.Quem anda aí...

online
Add to Technorati Favorites
SAPO Blogs

.subscrever feeds