Sexta-feira, 4 de Janeiro de 2008

Dakar cancelado

       Desilusão depois de anunciada a anulação do Lisboa-Dakar 2008 - Foto Lusa 

 

Era de frustração e alguma consternação o ambiente em Belém, onde estavam concentrados os pilotos do Lisboa-Dakar de 2008, há poucas horas. A notícia caiu como uma bomba entre pilotos, empresas envolvidas e autarquias portuguesas atravessadas pela prova: o Dakar deste ano foi cancelado, por não estarem reunidas condições de segurança.

Pela primeira vez, em trinta anos de competição, foi tomada a decisão de cancelar a prova, com base na revelação de que a Al-Qaeda citava a prova deste ano como possível alvo de atentado.

 

"Pesava sobre o Dakar um clima de insegurança geral, desde o assassínio dos quatro turistas franceses na Mauritânia. As ameaças da Al-Qaeda do Magreb citavam o Dacar. Era impossível contornar a ameaça, porque não eram visadas etapas específicas", declarou Etienne Lavigne, o director da prova.

 

 A Mauritânia criticou a decisão de cancelar o rali, afirmando não haver “qualquer elemento novo que a justifique”.
Babah Sidi Abdallah, o ministro dos Negócios Estrangeiros da Mauritânia, assegurou que foram “tomadas todas as medidas para garantir que o rali se realizasse sem qualquer incidente”, acrescentando que tinha sido destacada uma força de três milhares de homens, ao longo de 9.275 quilómetros (desde a Europa a África), como forma de garantir a segurança de todos os envolvidos. Abdallah salienta ainda que o cancelamento prejudica o país, pois a passagem das comitivas traz ânimo económico a localidades muito isoladas.

O nosso governo veio dizer que lamentava, mas colocou ênfase na mestria da organização portuguesa.

Ou seja, muito se disse e vai dizer-se, nos próximos dias sobre o cancelamento. Mas talvez o comentário mais iluminado tenha sido o de Ari Vatanen, quatro vezes campeão do Dakar em carros: "(...)hoje o rali ficou refém dos vagabundos, dos terroristas e dos fanáticos".

E é disto que se trata, não é? O objectivo final do terrorismo é espalhar o terror, impedir as pessoas de viverem as suas vidas por causa do medo, levar multidões a adiar sonhos sob pena de colocarem em risco a própria vida.

Todos os anos, admito, deliro com o Dakar. Assim que a comitiva chega a África, ao berço da humanidade, já não largo a televisão em busca dos especiais diários do Dakar, cheios de imagens que nos tocam pela sua beleza, crueza e natureza.

Este ano vou sentir a falta. Perderam os espectadores, perderam os pilotos, os organizadores, todos aqueles que de alguma forma se encontravam envolvidos na prova. Mas perdeu também a humanidade. Na constante luta contra o terrorismo, hoje eles ganharam. Pior, deram-nos uma coça. Inadmissível!


 

sinto-me: lixada

publicado por A Mona Lisa tinha Gases às 18:56
link do post | comentar | favorito
18 comentários:
De ruben a 4 de Janeiro de 2008 às 21:19
isto é apenas um sinal dos tempos, eles não mordem em quem querem, mordem em quem podem e os "outros" sabem disso. mas o imbecil do presidente da comixão esteve mais preocupado com o seu umbiguinho pequenino da pequenina carreira das vaidades das grandes causas europeias e mundiais, sem pensar que nos meteu na rota turistica da alcaida, o pobre diabo. a neutralidade nesta altura é fundamental em todas as perspectivas, politica, economica, segurança interna, etc. uma bomba explodiu em madrid porque se as eleições tivessem tido lugar em portugal, era em lisboa que explodiria. somos liderados por perigosos palhaços com a ambição dos lunáticos, enfim, mais um sinal dos tempos. feliz ano.


De A Mona Lisa tinha Gases a 4 de Janeiro de 2008 às 23:53
Quer dizer, na rota já estaríamos desde a célebre reunião dos Açores, não é? Somos os únicos da foto que ainda não levou com nenhum avião armado em missil ou bomba nos transportes públicos... É esperar que se esqueçam de nós, por muito que façamos o contrário.
Feliz ano novo, Ruben!
Beijinhos


De ruben a 5 de Janeiro de 2008 às 01:02
foi essa reunião no açores que nos colocou no roteiro turistico da alcaeda. sim vamos esperar que eles não deem por nós, mas apartir desse brilhante dia nos açores duas condições ficaram a configurar no bi de todos os portugueses. a primeira é que mesmo que não nos aconteca nada, ficamos todos a viver olhando por cima do ombro, a segunda é que quando a alcaeda frustrar acções nos alvos principais e isso está a ficar um facto com a vigilançia apertada dos usa e do uk, eles vão optar pelos alvos secundários mas mais vulneraveis e o nome do nosso país está nessa lista. essa foi a brincadeirinha que esse senhor fez nesse dia e que foi colocar portugal no mapa do terrorismo internacional, muito obrigado senhor presidente da comixão. feliz ano novo, docinho
ruben


De Minerva a 4 de Janeiro de 2008 às 23:05
Completamente FORA DE MIM...

Nem espirito tenho para mandar beijos :(


De A Mona Lisa tinha Gases a 4 de Janeiro de 2008 às 23:49
Fogo, isto também minerva mesmo! :)
Eu mando beijinhos pelas duas! Beijos


De rui santos a 4 de Janeiro de 2008 às 23:45
Então pessoal!!!
isso da ameaça terrorista é tudo mentira.
Eu tenho provas de que o Sócrates é o culpado disto tudo.
Ele teve de férias no Natal em Africa, e andou a espalhar pionés no deserto para todos os pilotos furarem... menos os portugueses que levam pneus a prova de pionés... são do mesmo material que a vergonha do Sócrates... a prova de tudo...

Depois o burro é o scolari né???
o mau é o Scolari... né???


De A Mona Lisa tinha Gases a 5 de Janeiro de 2008 às 00:06
LOL
Ò Rui, tu qualquer dia tens o Sócrates à porta do estaminé a pedir-te explicações, pá!
Pionés! LOL


De Gatopardo a 5 de Janeiro de 2008 às 00:46
Apenas digo isto...
Em 30 anos de competição, já nem se contam pelos dedos, as vezes que a caravana do Dakar foi alvo de emboscadas, roubos e outras coisas que tais...
Solução na altura?Encurtar determinadas etapas e simplesmente fazer travessias aéreas para evitar os pontos de conflito...
Agora, cancelar a prova a poucas horas do seu início?Porra, até o Carlos Sousa partilha da minha opinião...Faziam-se mais umas especiais em Marrocos ou outra coisa que o valha...Não tivessem morrido quatro turistas franceses uns tempos atrás na Mauritânia, e estavam eles bem a barimbar-se para a Al-Quaeda...Aliás, os últimos problemas existentes na Mauritânia, têm sido contra interesses franceses...A organização do Dakar está a cargo de quem?Ah pois...Os franceses...
516 equipas que investiram ziliões de €, perderam o último ano em testes...O Carlos Sousa que fez 200.000 km de testes de estrada...
Sou adepto que tem de haver condições mínimas de segurança...E este ano, não me parecia que fosse diferentes dos outros anos...África é sempre um ponto sensível de passagem da caravana...Digam-me um ano que não tenha havido barraca na passagem pela Mauritânia e Senegal...


De A Mona Lisa tinha Gases a 5 de Janeiro de 2008 às 01:43
Sim, há qualquer coisa de estranho nisto tudo... Há bocado tive a ver o jornal na Sic Notícias e até o Sarkozy anda metido nisto, terá partido dele a decisão. Não sei, que é esquisito, lá isso é!


De Gatopardo a 5 de Janeiro de 2008 às 10:58
O que o Sarkozy quer, seu eu!!!
É andar a passear com a namoradita nova e saltar-lhe para a espinha...
Mas tirando isso, sim, a decisão partiu dele segundo o que também ouvi na SIC notícias...


De xana a 5 de Janeiro de 2008 às 02:20
A estas horas o Bin Laden jé tem uma dor de barriga de tanto rir. Conseguiu pregar um susto de morte ao Ocidente. Um gajo daqueles que vive escondido, ok, já fez muito mal à civilização mesmo escondido, mas, sem que ninguém o veja, assusta meio mundo. Os americanos em vez de tentarem caçar o fulano, andam a brincar com a vida dos soldados deles e dos outros, porque à conta das maluqueiras do Bush, anda o resto da humanidade a olhar por cima do ombro, e desta vez foi o Dakar, a seguir pode ser o Euro 2008, e vamos lá saber mais o quê, agora que conseguiu meter medo ao Ocidente, tem o caminho livre para ameçar quando e onde entender.


De A Mona Lisa tinha Gases a 6 de Janeiro de 2008 às 00:15
Olha, o que ele havia de ameaçar eram os concertos dos pimbas todos. Aí sim, fazia um grande favor à humanidade!
O Bin Laden já nem sequer existe, coitado! Provavelmente já foi com os porcos há muito tempo e anda tudo a gozar connosco! LOL
Beijo


De silentvoices a 5 de Janeiro de 2008 às 03:07
Mais um ponto para o "Terrorismo"!
Querem apostar como será o "principio do fim" do rally Dakar!
Com que cara vão chegar as equipas e os pilotos aos patrocinadores para lhes pedirem apoios para o próximo ano, quando apartir de hoje vai pairar sempre a possibilidade de um novo cancelamento?? É ruim heim?
Triste e desiludido!
Beijinhos


De A Mona Lisa tinha Gases a 6 de Janeiro de 2008 às 00:11
Poderá muito bem ser o fim. O que me deixa ainda mais irritada! Estes gajos ainda nos vão tirar tudo o que gostamos...
Estou deprimida e estas situações não me deixam mais contente.


De Teresa a 6 de Janeiro de 2008 às 17:11
Não podia estar mais de acordo contigo...é lamentável deixarmo-nos levar pelo medo, rebaixarmo-nos e cancelar uma corrida que não foi cancelada nem no ano em que o "fundador" do rali morreu! É triste...os terroristas ou seja quem for que tenha ameaçado a corrida venceu de qualquer maneira, se calhar até se regozijam mais assim do que se acontecesse algum tipo de atentado...acho que a organização não percebeu que o Dakar é sinónimo de AVENTURA, muitos perigos correm os pilotos e todos os envolvidos ano após ano!!

Não vibro muito com o rali, África é um país que ainda não consegui perceber o que desperta cá dentro (de mim)...mas fico triste com esta situação e perceber que o mundo fraqueja perante lunáticos que só querem gerar o medo entre todos.


De A Mona Lisa tinha Gases a 6 de Janeiro de 2008 às 20:48
Pois, enquanto os líderes se continuarem a rebaixar a este tipo de chantagem, não vejo que se possam aproximar boas coisas... Isto tudo mete-me um nojo!
Estamos a ficar todos reféns de um grupo de doidos! Fanáticos religiosos, era metê-los todos num saco... E olha que normalmente tenho uma tolerância do caraças!


De Vanessa a 6 de Janeiro de 2008 às 17:39
Isto esta a ficar bonito está qualquer dia nao se sai a rua com o medo que anda no ar

Terrorismo


De A Mona Lisa tinha Gases a 6 de Janeiro de 2008 às 20:49
Esperemos que não chegue a isso, Vanessa! Esperemos...


Comentar post

Ninguém percebe o Leonardo. A Mona Lisa nao estava a sorrir, estava com gases. É o primeiro registo de arte escatológica.

E-mail
Facebook
No Twitter

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. O acessório

. O meu busto é mais bonito...

. Aquarius

. Vamos fazer amigos entre ...

. Dia 25: Saiu de casa e ai...

.últ. comentários

Mesmo... É incómodo lembrar.
Ainda custa a digerir o desaparecimento de um ídol...
as aveiros devem estar a ferver...
Oh pá, e eu já nem me lembrava disto. E foi tão b...

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.Quantos já cá vieram soltar gases

.Quem anda aí...

online
Add to Technorati Favorites
blogs SAPO

.subscrever feeds